Impacto da Covid-19 nas Organizações da Sociedade civil Brasileiras, novos desafios
Durante 20º Fórum Social Mundial #FSM2021 a Sociedade União da Vila dos Eucaliptos - SUVE realizará uma roda de conversa virtual sobre o “Impacto da Covid-19 nas Organizações da Sociedade civil Brasileiras, novos desafios e da resposta imediata à resiliência”. Através de estudos e pesquisas, os mesmos revelaram que 73% das organizações do Terceiro Setor ficaram debilitadas durante a pandemia. Por outro lado, 18% afirmaram que a crise serviu para fortalecer muito ou parcialmente o trabalho realizado nas suas bases. Para falar sobre o Terceiro Setor no pós-pandemia, convidamos: Janainá Fontanive (IBDFAM) Mario Marques (Mídia Di Vila) Claudio Roberto (Peregrinos Revolucionários) Leticia Quevedo (Rima das Mina) Vitor Noal (Instituto Parrhesia) O intuito da roda de conversa busca trocar informações e conhecimento de como a pandemia atingiu as instituições, coletivos, movimentos. No Brasil, a Covid-19 evidenciou ainda mais a desigualdade social e a urgência de populações vulneráveis por serviços básicos, como saneamento e moradia, o desemprego e a informalidade no mercado de trabalho. Neste cenário, diversas entidades filantrópicas, coletivos, organizações, ONGs e OSCIPs uniram forças para fornecer ajuda aos que mais necessitam, principalmente com doações de alimentos e produtos de higiene. A força do terceiro setor nessas ações de articulação, unida ao sentimento de cooperação diante de antigos problemas, gerou uma onda de solidariedade que resultou em incontáveis redes de apoio inovadoras aos mais necessitados por todo o país.
COMENTÁRIOS